DEPUTADO ESTADUAL

ANDRÉ DO PRADO

Partido da República

NOTÍCIAS

Posto de Perícia Médica começa a atender os servidores de Barretos em 30 dias, garante secretário de Gestão Pública ao deputado André do Prado

Dentro de 30 dias, os funcionários públicos do Estado de São Paulo da região de Barretos conveniados ao Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual (Iamspe) poderão utilizar o serviço do Departamento de Perícias Médicas do Estado (DPME). A garantia foi anunciada ao deputado estadual André do Prado (PR) e ao vereador barretense, Paulo Correa (PR), durante audiência com o secretário estadual de Gestão Pública, Davi Zaia.

O secretário informou ao deputado André do Prado que nesta quinta-feira (07) ocorrerá à assinatura de convênio entre o Iamspe e a empresa contratada para realizar os serviços de perícia médica para atender os servidores públicos do Estado. Com isso, os médicos darão início ao funcionamento da unidade de perícias.

Após várias intermediações do deputado André do Prado junto à secretaria estadual de Gestão Pública, Davi Zaia garantiu que Barretos será a primeira cidade que terá o posto de Perícia Médica. “Vamos atender a reivindicação do deputado André do Prado e do vereador Paulo, que se reuniram diversas vezes e batalharam para que Barretos possa atender com qualidade os servidores públicos. Em 30 dias, os beneficiários já poderão ser atendidos e marcar as perícias médicas”.

Os exames periciais, que anteriormente eram feitos somente em São Paulo, poderão ser feitos em Barretos, facilitando o acesso dos funcionários ao serviço além de agilizar o processo de divulgação das licenças médicas solicitadas no Diário Oficial. O prazo médio para publicação da aprovação da perícia médica, que era de 30 a 45 dias, deve cair para apenas três.

O deputado André do Prado comemorou a conquista em benefício dos servidores barretenses. “O funcionamento do DPME em Barretos irá regionalizar o atendimento aos funcionários que necessitam de perícia médica. Não vão precisar se deslocar até São Paulo para fazer os exames da perícia e nem aguardar por até 45 dias para a publicação da licença médica”, afirmou.