DEPUTADO ESTADUAL

ANDRÉ DO PRADO

Partido da República

NOTÍCIAS

Ao deputado estadual André do Prado, vice-governador Rodrigo Garcia confirma que Estado estuda duplicação da Mogi-Bertioga (SP-98)

Estudos são realizados pelo Governo do Estado, para a duplicação da rodovia Mogi-Bertioga (SP-98)

Estudos são realizados pelo Governo do Estado, para a duplicação da rodovia Mogi-Bertioga (SP-98)

São Paulo (SP) | O vice-governador Rodrigo Garcia confirmou, nesta quarta-feira (26), ao deputado estadual André do Prado que o Governo de São Paulo estuda a duplicação da rodovia Mogi-Bertioga (SP-98). A primeira etapa da análise leva em consideração os trechos de planalto e planície, que correspondem a boa parte da rodovia, e, se duplicados, já melhorariam a fluidez de tráfego na saída e chegada das duas cidades.

A resposta foi dada ao deputado André, coordenador da Frente Parlamentar em Apoio aos Municípios do Alto Tietê, em reunião conjunta das comissões permanentes de Infraestrutura e Fiscalização e Controle, realizada na Assembleia Legislativa. Ele havia perguntado se o Estado já tem alguma definição sobre obras de melhorias na rodovia. “É uma estrada com grande VDM (volume diário médio) e tem registrado muitos congestionamentos em feriados prolongados e em períodos de férias. Isso traz um transtorno imenso tanto para quem apenas passa pela SP-98 quanto para os moradores dos bairros que ficam às margens. Gostaria de saber se há alguma PPP em análise que trate disso”, comentou André do Prado.

A rodovia é estadual e está sob responsabilidade do Departamento de Estradas de Rodagem (DER/SP). Cerca de 22 mil veículos trafegam em diferentes trechos da SP-98 todos os dias, de acordo com o DER.  

“Estamos estudando a eventual concessão (da SP-98). A maior dificuldade é duplicar o trecho de serra, mas se duplicar o trecho de planalto e planície já ajudaria demais e este projeto também já está em estudo na Subsecretaria de Parcerias. Acho que logo, logo nós teremos um lote novo, não só Mogi-Bertioga, como também parte do litoral Sul, de Praia Grande a Peruíbe, dentro de um mesmo contrato de Bertioga a Guarujá. Nos próximos dias, nós fechamos um modelo e vamos levá-lo a público para ser submetido a eventuais questionamentos”, afirmou Garcia.

A SP-98 tem quase 50 quilômetros de extensão e viu seu VDM aumentar bastante nos últimos anos porque tornou-se uma das poucas rodovias litorâneas sem cobrança de pedágio no Estado.

RODOANEL NORTE

O deputado André do Prado também questionou a respeito das obras do Rodoanel Norte. “Nós herdamos dois contratos (um rescindido e outro que teve rescisão nossa) e tivemos uma obra inacabada. Há um trecho mais próximo da conclusão, que é aquele mais perto da Dutra, e um trecho mais longe da conclusão da Fernão Dias com a Bandeirantes. Existe um saldo contratual de R$ 1,5 bilhão. O IPT (Instituto de Pesquisas Tecnológicas) está fazendo uma análise para saber se com este valor é possível terminar a obra. A partir desta análise, vai ser feito um estudo do que pode ser realizado. Se será por PPP ou por concessão o meio para finalizar a obra”, explicou Rodrigo Garcia.